Técnico em Eletrotécnica

Matriz Curricular

(Disciplinas do curso de Eletrotécnica)

Perfil Profissional de Conclusão

O Técnico em Eletrotécnica é um profissional de nível médio de categoria especializada do qual se requer capacidade técnica, observação, precisão, responsabilidade e trabalho em equipe. Este profissional deve possuir conhecimento de redes elétricas, máquinas elétricas, comandos elétricos, eletroeletrônica e materiais elétricos, além do desenvolvimento de suas competências comportamentais.

Competências Gerais

Ao concluir o Curso Técnico em Eletrotécnica, o aluno deverá ter constituído as seguintes competências gerais:

  • Instalar e operar os equipamentos de geração, transmissão e distribuição de energia elétrica, bem como atuar no planejamento;

  • Executar, fiscalizar, orientar e coordenar diretamente serviços de manutenção e reparo de equipamentos eletroeletrônicos;

  • Responsabilizar-se pela elaboração, execução e inspeção de projetos de instalações elétricas residenciais, prediais e industriais;

  • Identificar e avaliar os diversos tipos de dispositivos utilizados nos processos de automação.

  • Elaborar procedimentos das atividades de manutenção de equipamentos eletroeletrônicos;

  • Dimensionar circuitos elétricos;

  • Solucionar problemas e propor melhorias nos processos de operação e manutenção;

  • Realizar comissionamento;

  • Supervisionar o funcionamento dos equipamentos, assim como diagnosticar o seu desempenho;

  • Analisar resultados de ensaios e elaborar relatórios de manutenção.

  • Avaliar evolução de custos da manutenção.

Além das competências gerais referidas, o TÉCNICO EM ELETROTÉCNICA deverá:

  • Participar no projeto e instalação de sistemas de acionamentos elétricos;

  • Aplicar métodos na produção, instalação e manutenção dos equipamentos elétricos;

  • Coordenar e desenvolver equipes de trabalho que atuam na instalação, na produção e na manutenção, aplicando métodos e técnicas de gestão administrativa e de pessoas;

  • Elaborar diagramas elétricos de acordo com as normas técnicas vigentes e interpretá-los;

  • Coordenar atividades de utilização e conservação de energia, propondo a racionalização de uso e de fontes alternativas.

  • Interpretar gráficos, diagramas, esquemas e testes de ensaio;

  • Conhecer a utilização das máquinas elétricas em geral;

  • Conhecer e avaliar princípios de luminotécnica;

  • Conhecer princípios da eletrônica digital, analógica e industrial de potência;

  • Conhecer e avaliar os princípios de automação em processos industriais;

  • Conhecer o dimensionamento dos dispositivos de proteção em geral.

Atribuições e Responsabilidades

Atribuições de um Técnico em Eletrotécnica.
Fonte: Ministério do Trabalho

O Decreto Federal nº 90.922 de 06/02/85, estabelece que os técnicos em Eletrotécnica podem projetar e dirigir instalações elétricas com demanda de energia de até 800 kVA, bem como exercer a atividade de desenhista de sua especialidade.

No seu Art. 4º § 2º, estabelece que as atribuições dos técnicos industriais de 2º grau, em suas diversas modalidades, para efeito do exercício profissional e de sua fiscalização, respeitados os limites de sua formação, consistem em:

  • Executar, fiscalizar, orientar e coordenar diretamente serviços de manutenção e reparo de equipamentos eletroeletrônicos, instalações e arquivos técnicos específicos, bem como conduzir e treinar as respectivas equipes.

  • Prestar assistência técnica e assessoria no estudo de viabilidade e desenvolvimento de projetos e pesquisas tecnológicas, ou nos trabalhos de vistoria, perícia, avaliação, arbitramento e consultoria;

  • Executar, fiscalizar, orientar e coordenar diretamente serviços de manutenção e reparo de equipamentos, instalações e arquivos técnicos específicos, bem como conduzir e treinar as respectivas equipes;

  • Dar assistência técnica na compra, venda e utilização de equipamentos e materiais especializados, assessorando, padronizando, mensurando e orçando;
    Responsabilizar-se pela elaboração e execução de projetos compatíveis com a respectiva formação profissional;

  • Ministrar disciplinas técnicas de sua especialidade, constantes dos currículos do ensino de 1º e 2º graus, desde que possua formação específica, incluída a pedagógica, para o exercício do magistério, nesses dois níveis de ensino.

Campo de Atuação


Descrição sumária

O Técnico em Eletrotécnica na área de indústria é o profissional que tem por característica a capacidade do trabalho em conjunto, conhecimento técnico, formação tecnológica e capacidade de mobilização destes conhecimentos, para atuar no mercado de trabalho de forma criativa, ética, empreendedora e consciente dos impactos sócio-culturais.

O Técnico em Eletrotécnica na área de indústria com Habilitação em Eletricista de Instalações em Sistemas de Energia Elétrica Predial e em Eletricista de Instalações em Sistemas de Energia Elétrica Industrial, tem formação para atuar: na linha de instalações prediais com competências e habilidades para elaborar projetos e execução de instalações elétricas residenciais e prediais, supervisão, execução, inspeção e controle de manutenção em sistemas de instalações elétricas e também atuar na linha de instalações industriais com competências e habilidades para elaborar projetos e execução de instalações elétricas industriais, supervisão, execução, inspeção e controle de manutenção em sistemas de instalações elétricas.

Mercado de trabalho:

O eletrotécnico pode trabalhar em indústrias metalúrgicas, assistência técnica, telecomunicações e até mesmo em construção civil. Onde ele realmente se sobressairá são as empresas voltadas a geração e distribuição de energia elétrica.

Abaixo a lista de alguns ramos de atuação do eletrotécnico:

  • Empresas concessionárias de distribuição de energia elétrica;

  • Empresas de geração e transmissão de energia elétrica;

  • Empresas de telecomunicações;

  • Empresas de água e saneamento;

  • Escritório de projetos técnicos;

  • Empresas de instalação e manutenção de equipamentos elétricos;

  • Empresas de representação comercial de aparelhos e equipamentos elétricos;

  • Indústrias de aparelhos e equipamentos elétricos e

  • Profissional liberal.

A remuneração média de um profissional sem experiência com o técnico em eletrotécnica esta varia em torno de R$ 1.500,00 à R$ 2.000,00 iniciais.

Neste segmento temos o Curso Técnico em Eletrotécnica e em Engenharia Eletrotécnica. Ambos são muito bons, o aconselhável é sempre fazer o técnico, ingressar na área e depois partir para engenharia, assim estará muito mais capacitado para desenvolver-se pessoalmente e academicamente.

Rua Rio Tapajós, 70 | Zona Norte

Ilha Solteira/SP | 15.385-000

(18) 3743-6644

MENU
SECRETARIA
Logo3.fw.png
ENSINO

© 2019 NEP Objetivo| www.nepobjetivo.com.br